domingo, 15 de fevereiro de 2009

Criança que faz criança...


Esta semana, os jornais ingleses fizeram correr o mundo a notícia de um garoto de 13 anos e de uma menina de 15 que acabam de ser pais. Alfie Patten tinha 12 quando engravidou a namorada, Chantelle Steadman. Ambos esconderam a gravidez nas 18 primeiras semanas. A filha, Maisie Roxanne, nasceu na segunda-feira passada, 9/2. O caso chamou mais atenção porque o garoto, na verdade, parece um moleque de oito.

Neste meu Brasil varonil, gravidez de adolescente é, lamentavelmente, coisa corriqueira. Vide, apenas como exemplo, outra gravidez anunciada nesta semana: a da filha de 15 anos da funkeira carioca Tati Quebra Barraco, que tornar-se-á avó aos 29 anos!! Afinal, tradição é para ser respeitada.

No jornal O Dia, edição de hoje na internet, li também que mãe e filha, respectivamente de 33 e de 14 anos, estão ambas grávidas de oito meses. Família que engravida unida ...

Ou seja, educação sexual se aprende (ou se desaprende) em casa.

Muito “educativa” é também a atitude do pai do adolescente Alfie, que avisou que pretende ganhar dinheiro com toda a história. Tudo vira showbiz.

Que falta fazem umas aulas de educação sexual, um pouco de juízo, um tanto de responsabilidade, uns métodos contraceptivos e, em casos extremos, até mesmo um aborto.

2 comentários:

Ciça disse...

E o guri disse que agora vai ter que "dar duro" na escola... pelo visto não aprendeu... rsrsrs

Deborah disse...

Já que os pais não cumprem seus papéis na orientação sexual de seus filhos, chega a hora da escola entrar em ação!