quarta-feira, 5 de junho de 2013

Fofoca de vizinho

Segredo é algo que a gente conta para uma pessoa de cada vez. E fofoca talvez seja o segredo que saiu do armário e se descompromissou com a verdade.
Eu não conheço meus vizinhos. Nem quero.  Com vizinhos, nunca gostei de intimidade, nem de confusão.
Mas por essas vulgaridades das construções modernas, quando estou no banheiro escuto – mesmo sem querer - a conversa de outro apartamento. Não sei se ao lado, embaixo ou em cima.  Mas com alguma frequência, ouço um homem falar, quase sempre resmungando ou reclamando.  Pela voz, deve ter algo entre 55 e 60 anos.
Noite passada, meu vizinho rabugento se excedeu. Ele disse, presumo que para sua mulher:
“Você acha que eu vou comer tudo isso?! Não sou que nem você, você devia fazer dieta, está imensa de tanta porcaria que come.”
Concluí que a principal porcaria na vida da mulher dele é o seu marido, meu vizinho.  

3 comentários:

Ge Bolognani disse...

Pode apostar! (isso do marido ser a maior porcaria da vida da vizinha)


...

também detesto isso, meu banheiro é uma caixa amplificadora, escuto tudo que NÃO quero dos vizinhos por ali...

Anônimo disse...

O homem pensa antes de fazer besteira. E depois também. ( Georges Najjar Jr )

Denise disse...

Infelizmente vc tem razao. Porcaria de marido.